segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Baguete Recheada

Hoje, o domingo esteve muito soalheiro, apesar de estar frio.
Logo de manhã fui para a cozinha fazer as minhas experiências culinárias.
O perfume da comida rapidamente se espalhou pela casa. 

Adoro estes fins de semana em que estamos todos em casa (faltou a filhota, que não pode vir a casa....), que nos entretemos entre comidas, música, conversa, roupa, arrumações e limpezas, blogs.....

SIM BLOG's!!
Apesar de andar um pouco afastadas das publicações continuo a visitar muitas cozinhas, a guardar ideias, a aprender, a fazer e a fotografar....só tem faltado mesmo tempo para publicar as receitas.

Hoje trago uma baguete gigante, recheada com queijo, fiambre e.....



Ingredientes para a massa:
- 1/2 kg de Farinha
- 2 Ovos
- 2,5 dl de Leite morno
- 1 dl de Óleo
- 1 Colher de sopa de fermento granulado (Fermipan)
- 1 Colher de café de açúcar mascavado
- Sal q.b.

Ingredientes para o recheio:
- 6 a 8 Fatias de fiambre
- 4 Fatias de queijo (usei Gouda)
- 2 Tomates pequenos sem sementes, fatiados
- 1/2 Cebola fatiada muito fininha
- Oregãos q.b.
-Ovo para pincelar


Numa tigela, juntar todos os ingredientes e misturar com uma colher.
Quando a massa começar a ficar consistente, colocar em cima de uma bancada, previamente polvilhada com um pouco de farinha e começar a amassar como se trata-se de pão.

Quando a massa já não pegar ás mãos, fazer uma bola, enrolar em película transparente e deixar repousar em lugar quente cerca de 30 a 40 minutos. Ficou dentro do forno a uma temperatura de aproximadamente 30G .

Quando estiver pronta, retirar a película, amassar ligeiramente para baixar um pouco a fermentação e esticar com o rolo da massa.

Rechear como mostram as fotos. Primeiro numa das pontas da massa e depois na outra.



Coloque o recheio em cima da massa: as fatias de fiambre, as fatias de queijo, se gostar outra vez de fiambre, o tomate, sem sementes, a cebola e os oregãos.

Por fim enrole a massa. 
Pincele com ovo batido e polvilhe novamente com oregãos.


Coloque a massa em cima de papel vegetal, e passar para um tabuleiro. Vai ao forno, previamente aquecido a 180G, cerca de 30 minutos ou até dourar.



A massa ficou uma delícia.

O aroma era de piza e fez um delicioso "lanche ajantarado"

Boa semana

Nota: a ideia original veio desta cozinha.

sábado, 9 de novembro de 2013

Tarte de Frango

Ultimamente tenho publicado poucas receitas.
É o tempo,...., o tempo que não dá para tudo...

No entanto, tenho cozinhado bastante: o filho e o marido almoçam todos os dias em casa, e eu já sou fã da marmita, que praticamente todos os dias me acompanha.
O jantar, é também em casa, e mais uma vez, sou eu que me entretenho com os tachos e as panela enquanto o marido dá uma ajudinha ás matérias escolares do rapaz, que apesar de já frequentar o 10º ano é BOM que perceba que os pais continuam a acompanhar e estar presentes...
E, a filhota, que apesar de já estar a estudar em Lisboa, sempre gosta de uns miminhos, como as sopinhas e outras iguarias feitas aqui em casa.

Não há como a comida das mães!! certo??

Comigo acontece o mesmo,...há comidas que só feitas pela minha mãe é que me sabem bem, mesmo que eu as faça, e que tente sempre fazer como ela, não é a mesma coisa.....

Hoje, trago mais uma tarte salgada (quiche), rica em legumes, com alguma carne, procuro usar poucas gorduras e preferencialmente gosto das massas caseiras, feita com farinha integral e algumas sementinhas que dão outra riqueza nutricional à refeição.


Para a filhota é uma refeição prática, que acompanha com salada e no final com uma peça de fruta (uma ajudinha da mamã nas épocas de exames e testes...).

Ingredientes do recheio:

- 2 Colheres de sopa de azeite
- 1 Cebola média cortada em rodinhas
- Parte branca de um alho francês, cortado em rodinhas
- 300 gr de Cogumelos frescos laminados
- Uns raminhos de brócolos
- 1 Tomate cortado em cubinhos
- Frango cozido q.b.
- Sal e pimenta q.b
- 2 Colheres de sopa de farinha (bem cheias)
- 2 dl de Leite (aproximadamente)
- 3 Ovos


Forrar uma tarteira, ou um pirex com a massa, que já publiquei algumas vezes aqui no blog.

Entretanto fazer o recheio:
Num tacho, colocar o azeite, a cebola e o alho francês.
Deixar estufar ligeiramente e juntar os cogumelos. Tapar o tacho.
Quando já existe bastante liquido juntar os raminhos de brócolos para cozinharem ligeiramente.
Temperar com sal e pimenta.
Juntar o frango, e deixar cozinhar uns minutinhos, só para que todos os sabores fiquem bem "envolvidos".



Desfazer a farinha num pouco de leite e juntar ao preparado de frango. Quando começar a engrossar deitar os ovos batidos e retirar do lume.

Deitar na tarteira, previamente forrada com a massa e polvilhar com o tomate cortado em cubinhos.



Levar ao forno, previamente aquecido a 180G até ficar bem douradinha.


Servir com salada, quente ou fria.

NOTAS:
- Comprei dois frangos, para estufar. Retirei uma parte do frango e cozi num caldo aromático: água, sal pimentas em grão, folha de louro, alho francês (parte verde) e uma cenoura cortada em tirinhas.
Depois de frio, desfiar e retirar os ossos.
- Como a tarte é para levar para a minha filha, tenho que a congelar: depois de fria, parti em 6 fatias.
Envolvi, cada porção, em película aderente, identifiquei com uma etiqueta onde consta a data e o tipo de tarte. Coloco as fatias dentro de um saco de plástico bem fechado.
- No dia, em que ela pretende almoçar uma fatia de tarte, retira do congelador e coloca no frigorífico, de véspera. À hora do almoço, quando regressa do IST, já está pronta. É só preparar uma salada, aquecer uma sopinha e aquecer ligeiramente a tarte.... fico feliz por a poder ajudar!

Desejo dias felizes a todos os meus visitantes.
Aproveitem este dia de outono cheio de Sol.


Related Posts with Thumbnails