domingo, 28 de abril de 2013

Massa com frango assado e cogumelos

Como a família almoça sempre em casa, procuro realizar refeições que sejam fáceis de fazer saudáveis,económicas e que possam ser feitas de véspera. 

Nem sempre é fácil, mas é uma tarefa que compensa. Além das vantagens já enumeradas é um momento muito importante para pai e filho. 

A adolescência não é fácil e por isso nunca é demais estar com os filhos.

Na 6º feira passada, fiz uma massa a acompanhar um frango assado.

Inspirei-me numa revista da Tele-culinária de  Outubro de 2001.


Ingredientes:
- 1 Frango
- Sal e pimenta q.b.
- Colorau e sumo de limão
- Alho e louro em pó q.b.
- 3 Colheres de sopa de azeite
- 300 gr de Cogumelos brancos
- 2 Dentes de alho
- 350 gr de Massa grossa, a gosto (usei Fuesili tricolor)
- Água e 1 colher de sopa de óleo

Partir o frango em pedaços e retirar uma grande parte da pele.
Temperar com sal, pimenta, colorau, louro e alho em pó. Regar com sumo de limão e deixar repousar cerca de 30 minutos já dentro de uma assadeira.

Antes de ir ao forno pincelar com uma colher de sopa de azeite.
Assar em forno quente (180G), cerca de 30  a 40 minutos, virando os bocadinhos de frango até ficarem bem coradinhos.

Entretanto, lave os cogumelos e parta-os em quartos.
Numa frigideira, deite 2 colheres de sopa de azeite, os dentes de alho picados e os cogumelos.
Deixar cozinhar até evaporar a água que libertam.
Temperar com sal e pimenta e retirar do lume.

Num tacho, coza a massa em água a ferver temperada de sal e óleo. Quando esta estiver cozida, "al dente" escorra e volte a deitar no tacho.

Quando o frango estiver assado, retire-o da assadeira e mantenha-o quente. Escorra toda a gordura que ficou na assadeira,e deite-lhe 4 ou 5 colheres de sopa de água fria, agite/mexa e junte esta água à massa, assim como os cogumelos cozinhados.
Leve, de novo, o  tacho ao lume e deixe apurar por 2 ou 3 minutos.

Sirva quente, a acompanhar com o frango.

Como sobremesa sugiro uns queques de café que publiquei no Iguarias P'ra Gulosos.

A receita original encontrei-a no Blog da C.C.



Desejo uma boa semana a todos os meus visitantes.


sábado, 27 de abril de 2013

Vitela guisada com repolho e cogumelos

As couves são muito importantes para a nossa alimentação. Existem diversas espécies.
Umas das que mais utilizo é a couve repolho de folha frisada, também designada como couve lombarda.

É uma couve extremamente rica em cálcio, rica diversas vitaminas e também em proteínas vegetais.

Permite uma diversidade grande de utilização nas nossas cozinhas, desde sopas, saladas, estufados para acompanhamento, juntamente com carne como nas feijoadas, ou simplesmente cozidas quer seja para acompanhar carne ou peixe.

Conserva-se muito bem no frigorífico por uns dias, o que é uma grande vantagem e permite ter sempre algum legume de reserva.



Ingredientes:
- 1 Kg de carne de vitela para estufar
- 1 Cebola grande
- 3 dentes de alho
- 0,5 dl de Azeite
- 1 Cubo de caldo de carne
- 0,5 dl de Polpa de tomate
- 1 Folha de louro
- 2 Frascos de feijão manteiga
- 1 Couve Repolho (cerca de 400 gr)
- 2 Latas de cogumelos inteiros
- Sal e pimenta q.b.
- Salsa q.b.

Arranjar a vitela e cortar em cubos.
Descascar a cebola, os dentes de alho e picar finamente.
Num tacho deitar o azeite e quando estiver quente, juntar a cebola e os alhos picadinhos. Deixe alourar ligeiramente.

Juntar o caldo de carne, a polpa de tomate, um ramo de salsa, a folha de louro. 
Deitar a carne e deixar ganhar um pouco de cor.
Temperar com sal e pimenta, e acrescente a água quente (cerca de 300 ml).
Tapar e deixe cozinhar cerca de 40 minutos em lume brando.
Entretanto, lavar a couve e cortá-la em Juliana.
Cortar os cogumelos ao meio.

Quando a carne estiver quase cozida, junte a couve, e os cogumelos. Deixe cozinhar mais um pouco.
Juntar o feijão escorrido e manter em lume brando mais uns minutos. para ganhar sabor.

Servir quente, polvilhado com salsa picada e acompanhar com arroz branco.


Como sobremesa, sugiro um bolinho que me surpreendeu bastante. 
Foi publicado no Iguarias P'ra Gulosos.

Bom apetite e um ótimo fim de semana.

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Griséus com Ovos Mexidos

Griséus, é uma espécie de ervilha, também chamada de ervilhas tortas.

Aparecem no princípio da primavera e são muito tenrinhas.

Na terra dos meus pais, no concelho de Alcoutim, os griséus são cozinhados de uma forma muito simples.




Não vou colocar quantidades, foi tudo feito a "olhometro"


Lavar bem os griséus.
Retirar o "fio", de cada vagem. 
Como são muito tenrinhos, utilizamos todo o legume.
Partimos em dois ou três bocados e reservamos.


Numa frigideira deitar um pouco de azeite e quando este estiver quente juntar os griséus.
Temperar com um pouco de sal.
Deixam-se cozinhar lentamente até ficarem bem fritos e secos.
Bater alguns ovos e juntar aos legumes.
Mexer com a colher de pau até ficarem bem passados.


Não resisti a acompanhar com batata frita.

Foi um almoço a cheirar à minha infância, à brincadeira na serra e recordar os mimos da avó.....

Um abraço para todos os meus visitantes.

domingo, 21 de abril de 2013

Caracóis de Pizza


Parece doce, mas não é.

São mini-pizzas ou melhor caracóis de pizza.

Podem ser uma ótima entrada, mas também são muito bons para uma festinha, ou para um piquenique.

Encontrei esta receita aqui, e fiquei logo curiosa. 

Fiz para levar a um evento onde estive esta semana. E foi do agrado de todos.



Ingredientes para a massa:
- 320 ml de Água
- 1 + 1/2 Colher de sopa de Azeite
- 1 + 1/2 Colher de chá de sal
- 2 Colheres de sopa de açúcar (usei açúcar mascavado)
- 600 gr de farinha tipo 55
- 2 Colheres de chá de fermento biológico seco

Ingredientes para o recheio:
- Polpa de tomate q.b.
- Fiambre cortado em tirinhas q.b.
- Presunto cortado em cubinhos q.b.
- Milho q.b.
- Queijo mozarela q.b.
- Oregãos


Colocar os ingredientes pela ordem indicada na cuba da MFP.
Programar o ciclo de amassar.
Não é preciso completar o ciclo. Basta 30 minutos e pode retirar. 
Desligue a MFP.

Estenda a massa na bancada. 
Deve ficar bem comprida e retangular.
Espalhe, com uma colher, um pouco de polpa de tomate e por cima coloque o recheio.
Este, não deve ficar muito alto para se conseguir enrolar.


Depois de enrolar, cortar a massa em pequenas "rodas" com 1 a 2 dedos de largura.
Usar uma faca de serrilha para não desmanchar.
Colocar num tabuleiro com papel vegetal.
Não é necessário untar.
Deixar repousar cerca de 30 minutos.


Levar ao forno, previamente aquecido, a 180 G, até começar a dourar.

Sirva quente ou fria, é sempre BOM.

Bom apetite e um ótimo domingo para todos os meus visitantes

NOTA: Como recheio pode utilizar o que mais gostar.


Related Posts with Thumbnails