sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Costeletas de Borrego de Cebolada

Uma verdadeira Iguaria,..., baseada numa receita do livro "Cozinha Tradicional do Alentejo" de Manuel Fialho, mas à minha maneira...



Ingredientes:
- 1.5 Kg de Costeletas (aproximadamente)
- Azeite q.b.
- 3 Cebolas grandes
- 1 Cabeça de alhos
- 2 Cravinhos da índia
- Grãos de pimenta q.b. (facultativo)
- 1 dl de Vinho branco (facultativo)
- 1 Folha de louro
- Sal, colorau, pimenta branca moída q.b.
- 2 Colheres de sopa de vinagre

Temperar previamente as costeletas com sal, pimenta branca moída, louro, colorau, os alhos às rodinhas e o vinagre.

Deixar repousar cerca de 1 hora.

Fritam-se as costeletas, ligeiramente no azeite (ou em banha, como diz a receita original), e reservam-se.

Juntar as cebolas, cortadas em meias luas, os alhos da marinada, 3 ou 4 pimentas em grão, os cravos da Índia, e deixar refogar.

Re-introduzir as costeletas,no tacho, deixar ganhar gosto e, se utilizar a panela de pressão é só tapar e deixar ganhar pressão cerca de 1 minuto.

Ficaram bem tenrinhas e não foi necessário juntar o vinho no final.

Se não utilizar panela de pressão, tem que se ir juntado água para que a carne fique macia. Já no final junte o vinho branco e deixe apurar.

Acompanhar com batata cozida às rodelas grossas, e salada de alface.

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Bolachinhas de Mel e Gengibre

Ainda a escrever sobre o Natal...

Porque o Natal é a festa da família e é sempre que cada um queira ...

Aqui em casa procuramos estar sempre todos juntos.

As crianças alegraram-nos com as suas músicas, brincadeiras, jogos, ..., é sempre uma grande animação,...

A mesa estava cheia de doces iguarias,...

Como sempre, houve troca de prendas,..., surpresas, que por vezes já não o são,...

O Pai Natal já não apareceu como quando os filhotes e os sobrinhos eram mais pequenos,...

Foi um Natal muito divertido,mas também muito trabalhoso, ..., há sempre muita agitação, as refeições, a família que chaga, enfim....

Não tive muito tempo para vir aqui escrever sobre as nossas iguarias natalícias, mas não resisto em deixar a receita de uma bolachinhas que também poderão ser feitas em qualquer altura do ano.

Esta receita, tirei da net e foi apresentada num programa de televisão brasileiro, por Sônia Kassick. São uma delícia,...

Ingredientes:

- 1 Kg de farinha de trigo sem fermento
- 1 Colher de sopa de Bicarbonato de sódio
- 100 ml de água
- 1 Colher de chá de canela em pó
- 1 Colher de chá de gengibre em pó
- 1 Colher de cravo em pó
- 180 ml de mel
- 400 gr de açúcar
- 100 gr de manteiga
- 1 Colher de sopa de raspas de limão e de laranja
- 2 Ovos


Colocar o mel num tacho e levar ao lume. Quando começar a ficar líquido juntar o açúcar e a manteiga e misturar até dissolver e fazer uma pasta.

Juntar os condimentos, como a canela, o cravinho e o gengibre em pó. Pode-se juntar ainda raspa de laranja, limão ou de lima, dando assim sabores diferentes às bolachas.

Entretanto, deitar o bicarbonato na água para dissolver e juntar à pasta (provoca arrefecimento) e só depois juntar os ovos batidos, já fora do lume.

Começar a acrescentar a farinha. Não amassar muito. É só misturar a farinha, não deve ficar muito ligado.


Deixar repousar, no mínimo 12 horas, para deixar a massa macia.

Este período de repouso, também faz com que a massa depois de cozida fica mais crocante.

Envolver a massa numa película aderente, para que esta não fique ressequida e levar ao frigorífico. Deixar na prateleira dos legumes.

Quando terminar o tempo de repouso a massa tem outro aspecto (mais cor e mais macia, encontra-se mais ligada e estica muito bem).


Começar a fazer as bolachas, tirando pequenos pedaços de massa e esticar com a ajuda do rolo em cima da bancada untada com óleo.

Com pequenas formas cortar as bolachas e dispor num tabuleiro untado e polvilhado com farinha.

Não espalhar farinha, em cima da bancada onde estica a massa para não alterar a consistência da bolacha.


Levar ao forno cerca de 15 minutos, na 2ª prateleira mais alta do forno a cerca de 140 G.
A bolacha deve cozer lentamente sem torrar rapidamente em redor e evitar que fique húmida ao centro .

Como estávamos no Natal e eu quis fazer uma pequena brincadeira de Natal, decorei algumas bolachas com glacé de açúcar e corantes.

Ingredientes para a Glacé Real:

- 2 claras de ovo
- 3 ou 4 colheres de sopa de açúcar
- 2 gotinhas de limão.
- Corantes a gosto
- Chocolate negro derretido em banho-maria



Com a ajuda de uma seringas de bico fino, decorei algumas das bolachas para poder fazer a Brincadeira de Natal.

Fiz também decorações utilizando chocolate negro derretido em Banho-maria.



São uma delícia, rendeu cerca de 240 bolachinhas que fiz em 2 serões, porque dá para guardar a massa até cerca de 15 dias no frigorífico.




As bolachas que não decorei guardei dentro de uma caixinha hermética e ficaram sempre bem crocantes.

Segundo a Sónia podem aguentar até 3 meses, mas cá em casa voaram...

Ainda outros conselhos referidos no programa: não usar fermento em pó;
o bicarbonato vai fazer com que as bolachas fiquem com uma cor douradinha;
não usar farinha integrar;
pode usar metade de açúcar branco e outra metade de açúcar amarelo ou mascavado (usei açúcar amarelo);

Pode-se ainda fazer estas bolachas alterando alguns ingredientes: adicionar nozes, Amêndoas, Castanhas, Frutas cristalizadas.... Pode-se também adicionar chocolate em pó ou em barra, ou então derreter o chocolate e intoduzir parte da bolacha e depois deixar secar.

Vou fazer mais vezes...
Bom apetite


Related Posts with Thumbnails